luanacavalli.com

3 Dezembro 2015

Francisco chegou.

DSCF0712_900 DSCF0734_900 DSCF0739_900

Acordei naquela madrugada chuvosa com uma dor que já é minha conhecida. Era o meu corpo avisando que você estava pronto. Eram as contrações me chamando para dançar a dança da vida.

Senti um frio na barriga, havia chegado a nossa hora, nosso primeiro encontro estava anunciado. Levantei da cama em silêncio para não acordar seu pai. Acendi mais uma vela para a Nossa Senhora do Bom Parto e pedi sua proteção para viver sua chegada com amor e sabedoria.

Até aquele momento eramos um, e juntos viveríamos o mais lindo ritual de passagem, o nascimento. Nasceu você meu filho e renasci eu sua mãe.

Em meio a dor que me transformava e me aproximava de você dançamos tranquilamente, você ditava nosso ritmo, nossos corpos entregues ao instinto balançavam vagarosamente, desciam e subiam embalados por meus gemidos que vinham do mais intimo do meu ser.

Ali vivi as dores da minha vida, uivei como  um bicho, chorei as saudades que sinto,  gemi as mágoas que deixei para traz, amei loucamente seu pai. Transcendi, me entreguei, vivenciei profundamente as dores do parto. Sem noção do tempo, respirava profundamente e te chamava: vem meu filho, vem para a vida, vem para os meus braços, para os meus abraços. E você veio meu amor, mostrando que a vida não está sob nosso controle, que eu sou mais forte do que podia imaginar e que a dor não significa sofrimento, ela pode ser transformadora.Você veio mostrando que a natureza é perfeita e que nada pode ser mais intenso do que o nascer. No dia 24 de novembro de 2015 você chegou naturalmente ao mundo meu filho, com o cordão umbilical enrolado no pescoço, no seu pequeno corpinho e no pé, pesando 3,300kg e com 53 cm você nasceu calmamente, ao seu tempo, a meia luz, sem choro, em um ambiente tranquilo e amoroso. De repente estávamos nós, naquela noite inesquecível, eu você e seu pai envolvidos em sangue e vérnix, com o corpo e a alma tomados pelos hormônios do amor.

Meu profundo agradecimento a minha Doula e amiga Patricia Bortolotto pelas palavras de carinho e incentivo e pelo seu toque capaz de aliviar a dor. Minha eterna gratidão a Doutor Álvaro Silveira Neto por ser tão humano, pelo respeito a minhas escolhas e por dedicar a vida ao nascer com amor.

 

 

 

1 Comentario
  • Testandooooooo

Deixe uma resposta

Desarrollado con Bokeh Pro para WordPress